A Sangue Frio

quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Está no lendário das colunas sociais: Truman Capote, Gore Vidal e Norman Mailer, em sarau literário, discutiam livros. Cada qual, evidentemente, falando de seus próprios livros. Capote, o mais baixinho e fisicamente frágil dos três, assim como de longe o mais venenoso, virou-se e disse (Capote era uma das poucas pessoas do mundo capazes de "virar-se" e dizer uma coisa): "Tudo isso que vocês estão dizendo pode ser muito interessante, mas a verdade é que eu escrevi uma obra-prima, e vocês não".

Não é que o baixinho estava com toda a razão? O danado escreveu mesmo uma obra-prima. Sim, claro, estamos falando, como Capote, de A Sangue Frio.


Dois primeiros parágrafos do delicioso prefácio escrito por Ivan Lessa para a reedição de A Sangue Frio, minha leitura atual. Estou adorando, um texto extremamente meticuloso e com uma história muito boa prá contar - história real, diga-se de passagem.

Comments

No response to “A Sangue Frio”
Post a Comment | Postar comentários (Atom)