Maracanã x Wembley

terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

Dois jogos nesse fim-de-semana, uma final em Londres (Copa da Liga Inglesa: Tottenham 2 x 1 Chelsea) e uma final no Rio de Janeiro (Taça Guanabara: Flamengo 2 x 1 Botafogo). Não vi 100% de nenhum dos dois, mas andei dando umas olhadas.

É engraçada a comparação que se pode fazer entre o que significa uma final em Wembley e uma no Maracanã.

Ambos os estádios cheios, torcidas animadas. As diferenças estão em volta do campo. Enquanto em Londres não há repórteres quase dentro do gramado, no Maracanã, ao sair para o intervalo, os jogadores de ambos os lados que mais se destacaram são cercados por um batalhão de microfones, cujos donos repetem todos as mesmas perguntas (em sua maioria, trata-se de perguntas idiotas), e jogadores arfando de cansaço repetem as mesmas respostas umas 20 vezes antes de poder tomar uma chuveirada.

Em Wembley os jogadores concentram-se apenas em suas tarefas dentro de campo, e não em que respostas vão dar para os repórteres e em como vão acusar o trio de arbitragem de estar roubando para o outro lado.

No Maracanã, acontece uma confusão e de repente todas as centenas de repórteres que estavam do lado de fora entram em campo e buscam uma frase qualquer de qualquer um dos jogadores. Em Wembley jogadores se desentendem e tudo que temos em termos de, digamos, cobertura jornalística é um close e a tentativa de fazer uma leitura labial.

Sei que o leitor vai pensar que estou babando ovo em cima dos europeus e tratando os brasileiros como trogloditas, mas não é bem assim. Não estou 100% convencido de que o método inglês seja tão superior ao nosso. Quero dizer, ver o futebol como se estivesse assistindo a um filme tem seus méritos, mas vivemos numa sociedade ávida por informação, queremos saber, na hora do fato, todos os detalhes dele.

Acho que a cobertura do Maracanã é extremamente exagerada, mas a ausência total dela em Wembley também não é muito legal. O ideal seria um meio-termo.

Comments

One response to “Maracanã x Wembley”
Post a Comment | Postar comentários (Atom)

Borges disse...

Concordo.

17:31