terça-feira, 11 de março de 2003

Como se não bastassem os milhões de formigas que coabitam esta casa comigo, agora mais um espécime do reino animal resolveu se refugiar aqui: um rato.

Que merda!